segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

O "Parque"


Dae minha gente.

Esse proximo post eu vou escrever em pt-br mesmo, pra nao gastar o pouco alemao que me sobrou do ultimo!

Dessa vez eu resolvi perder mais do que 10 minutos no mesmo post. Mas sem panico: Perdi 80% do tempo descobrindo como colocar fotos e videos :)

Antes de mais nada, um parentes rapido:

Finalmente sai pra conhecer a cidade. Agora com Google maps no celular, GPS, telefones, internet e youtube, eu QUASE nao me perco mais. Vcs tem q entender q pra usar o celular eu tenho q tirar as maos do bolso. E das maos, eu tenho q tirar as luvas. As vezes eh melhor confiar no instinto mesmo (OK, na verdade nunca eh melhor, mas essa desculpa mantem minhas maos quentes :] ).

Descobri que a cidade foi construida em volta de uma Piramide, embaixo da ql tah enterrado um tal de Karl. O Karl, como todo bom alemao nobre que se preste, resolveu construir um castelo no meio do mato (que falta fazia um video game naquela epoca). Qndo morreu, a familia, como toda boa familia nobre alema, resolveu enterrar ele e construir uma piramide em cima. A partir dai, os alemaes, como bons alemaes, resolveram viajar pra ver uma tal de piramide no meio do mato e, aparentemente, um castelo e uma piramide no meio do nada pareceu ser um bom lugar pra construir uma cidade.

A cidade em si nao tem absolutamente nada pra se ver. Eu, pelo menos, nao encontrei nada (o que, por outro lado, nao quer dizer nada). Estao reconstruindo toda a volta do castelo e o unico parque que tem cobra 4,50€ de ingresso. O proprio castelo nao tem nada de mais. Eh mais um palacio do que qq outra coisa. Segue ai embaixo uma fotinho dele (jah adianto que tirei essa foto da internet):

Terminado esse primeiro parenteses, vamos pro segundo: Um casal de amigos meus veio passar o fim de semana aqui em casa. Segue abaixo uma foto deles:

Na, brincadeira. Heheheh.

Ok, ao que interessa: Eu moro meio longe do centro e Domingo fez um dia lindo: temperatura na casa dos 0 graus e um sol que faria Porto Alegre chegar aos 50 graus FAAAACIL. Como nao tem mto oq ver, alem de predios e bondinhos modernos, e jah tinhamos dado uma volta pelo centro, resolvi ficar em casa trabalhando. Algum tempo dps, voltam os dois dizendo que tinha um parque gigantesco do lado da minha casa e nao sei mais o que....

Ateh parece que ia ter um parque gigantesco do LADO DA MINHA CASA, neh?

Segundo palavras proprias, eles sairam de casa e viram um cara de calca de nilon correndo e resolveram seguir ele.

Resolvi dar uma olhada.

Fomos caminhando ao tal do "parque" e chegando lah, comprovei minha teoria: Nao era um parque nada.

Tinham arvores, criancas correndo e cachorros latindo. Tinha um lago congelado, uma pracinha. Tinham arvores, escorregadores e ateh uma tirolesa. Corvos, patos e pombas.

MAS NAO ERA UM PARQUE: Nao vi tartarugas nem carpas e, muito menos, gente tomando chimarrao.

Chegando lah, demos de cara com a marginalidade europeia (ou seria humor?):


E depois resolvemos atirar gelo no lago. Pra qm nao sabe: pedras de gelo fazem um barulho engracado qndo deslizam sobre o lago congelado. E, aparentemente, qq alemao q se preste tem q levar os filhos pra fazer isso no parque todo santo fim de semana.

Qndo comecamos a jogar gelo, percebemos uma bolinha bem no meio do lago e umas criancas de olho nela. O Faga logo perguntou se a bolinha era delas e, com a resposta negativa, comecamos o processo pra tirar ela de lah :D

Comecamos quebrando todo o gelo da beirada, enquanto molhavamos as calcas e congelavamos os dedos. Nessa hora nos demos conta de q talvez nao fosse uma boa ideia. Enfim, continuamos. De posse de certa municao, comecamos a atirar gelo na bolinha. Claro que de cada 30 pedras, acertavamos 1.

Reparem na inovacao agora! Um video: na narracao, a Sharon; no esporte: Eu e o Fada.

Obs.: tentei colocar o video direto no post, mas deu erro. Cliquem no link acima!!

Vcs podem ver q nossa mira nao eh lah das melhores, mas tb, OLHA ONDE TAVA A BOLINHA!

A essa altura, todo mundo que passava pelo parque parou pra ver a cena. Alguns ficaram ateh o final, talvez pq a gente quase caiu no lago umas 2 vezes, talvez pq eles realmente tinham cansado te atirar pedras no lago com as criancas. De qq maneira, juntou um bocado de gente em volta :)

Acho que ficamos mais ou menos uma hora tocando gelo no lago.

Depois de um bom tempo, e pelo menos umas 5 pedradas na bolinha, finalmente empurramos ela pra beirada. Ai q a Sharon saiu correndo pra pegar ela e berrou lah do outro lado: "TRANCOU NUM PEDACO DE PAU".

Affe Maria. Botei uns 2 pedacos de gelo no bolso (nao, isso nao foi uma boa ideia) e eu e o Fada fomos lah ver. Nessa hora q junto uma galera em volta.

Segue o segundo video contando o resto da historia da bolinha:

Pro segundo video, cliquem no link acima!!

Com a bolinha na mao, sob o aplauso incessante da torcida alema, dando autografos (agora usei um pouco da minha licença poetica), fomos conhecer o resto do "parque". Ainda aconteceram outras coisas nesse dia envolvendo paredes de escalada, helicopteros, meninas-propaganda de banco e pula-pulas. Mas esse post tah se alongando d+. Deixemos pro proximo :)


Na foto acima dah pra ver as criancas usando oq sobrou da nossa municao lah do outro lado do lago :)

Hoje de noite que cheguei pra jantar em casa com o Fada e a Sharon (ficam ateh amanha ae) e comentei com eles: "Que engracado, passei o dia inteiro com dor nos bracos", e o Fada "Eu tb, engracado, neh?", e a Sharon "Mas tb, neh! Ficaram 2 horas tocando gelo no lago".

Pensei: "Eh, faz sentido".

Fico por aqui, ateh a proxima!

4 comentários:

  1. Tá boa essa vida hein salva-vidas de bolinha.

    ResponderExcluir
  2. Tô gostando da ideia de assistir ao vivo parte do post.

    ResponderExcluir
  3. hahaha, vim aqui e li novamente... deu saudades! ;) Sharon.

    ResponderExcluir